quarta-feira, 12 de dezembro de 2007

PARA BOM ENTENDEDOR...

Diz-se que para bom entendedor meia palavra basta.
Das duas uma, ou já não existem bons entendedores ou meia palavra não é mesmo suficiente.
Vivemos de extremos. Chegamos constantemente ao limite da paciência e quando rebentamos é com tamanha força que simples palavras conseguem ser matadoras, avassaladoras, cortantes.
Não me considero uma boa entendedora, mas meia palavra basta-me.


Joana Barroso

1 comentário:

Claudia disse...

E eu acho que te entendo. (a mim, irrita-me sobretudo a mania constante das pessoas quererem ver, ser(-nos) ou tudo ou nada, ou 8 ou 80..os meios termos são assim tão malfeitores? )
Enfim, escrita simples, escrita bonita.
Beijinhos.